Mandas que não te ame, que creia

Que o nosso amor já acabou

Como acabou o que nem começou

Como esquecer quem tanto se anseia

A tua saudade ainda me rodeia

Ainda me lembro quem me enfeitiçou

Ainda choro por quem nunca me amou

Ainda lembro quem tanto me odeia

Como fazer para te esquecer?

Quanto tempo ainda vai passar?

Quanto tempo mais irei sofrer?

Ainda agora nao posso lembrar

De tanta alegria que me fez viver

Quem nada deu e tanto jurou dar

                                                               Maria carmo                                 15 Setembro 1984